PASSATEMPOS DOS BLOGS PASSATEMPOS PORTUGAL / ANTE-ESTREIAS e Parceiros:

GANHA Bilhetes para a Ante-Estreia do filme "AMIGO IMAGINÁRIO" (PRIS Audiovisuais)

GANHA Bilhetes Bónus duplos para o "FANTASPORTO'2024" (Fantasporto)

GANHA Bilhetes para o "JARDIM ZOOLÓGICO DE LISBOA" - Fevereiro 2024 (Jardim Zoológico)


VENCEDORES Bilhetes para o "JARDIM ZOOLÓGICO DE LISBOA" - Janeiro 2024 (Jardim Zoológico)

VENCEDORES Bilhetes para o "JARDIM ZOOLÓGICO DE LISBOA" - Dezembro 2023 (Jardim Zoológico)


DIVERSOS:

Ganha um Vale de 50€ em Combustível

Ganha 100€ em compras para o seu Bebé

Amazon - Tudo para você, de A a Z

Encontre aqui o seu próximo Emprego (Portal de Empregos)

Simulador - Mude para a melhor oferta: Luz e Gás (Energy+)

Você tem o QI de um gênio? (IQ Test)

Descobre se são compatíveis (Teste do Amor)

Queres descobrir o teu gémeo? (Twin Stranger)

Globaldata - Loja de Informática Especializada


PROMOÇÕES E DESCONTOS:

eshop.pt - Os melhores descontos até 80% em Produtos


DECO PROTeste:

Descubra a DECO PROTeste durante 2 meses por apenas 2€


(Satisfação Garantida - Sem Período de Fidelização)


GANHA DINHEIRO AO RESPONDER A INQUÉRITOS ONLINE:

Inqueritos Remunerados - Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

Surveylama - Pesquisas Online Pagas

Surveoo - Responda a pesquisas e ganhe até 200€ por mês


 

🎵 PASSATEMPOS FESTIVAIS DE VERÃO 2024 🎵

Clica aqui para ver os Passatempos!

 



⚽ PASSATEMPOS BILHETES DE FUTEBOL ️⚽️

Clica aqui para ver os Passatempos!



PASSATEMPOS DIA DOS NAMORADOS 2024

Clica aqui para ver os Passatempos!



Domingo, 16 de Julho de 2023

E os vencedores do 31º Curtas Vila do Conde são...

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL


Grande Prémio DCN Beers + EFA Candidate

THE BIRTHDAY PARTY, Francesco Sossai

• Declaração do júri: No meio da riqueza de vozes que tivemos a sorte de descobrir, houve um filme que se destacou pela sua simplicidade e fé absoluta no poder do cinema. Um local, uma hora e uma memória complexa são recriadas numa mistura magistral de naturalismo, magia e humor. A infância é, subitamente, examinada, com a sua alegria, violência, sede de pertença e receio do mundo adulto. Não esqueceremos a cara sardenta do protagonista e a icónica avó que desaparece.

 

Melhor Animação

ZOOPTICON, Jon Frickey, Thies Mynther, Sandra Trostel

• Declaração do júri: Uma origin story nunca antes vista, da melhor qualidade que esta arte pode apresentar. O enredo possui um tom descontraído que está fortemente enraizado em grandes questões filosóficas e políticas sobre países, identidades, memória e história. O assombroso trabalho sonoro e as canções originais contribuem imenso para a criação desta cosmogonia de estilo “kawaii”. Pela sua reflexão existencial através dum espaço sideral animado e musica.

 

Melhor Documentário

THE VEILED CITY, Natalie Cubides-Brady

• Declaração do júri: Através de fragmentos meticulosamente escolhidos e imagens de arquivo oníricas desta bem-conhecida cidade, desenrola-se perante nós uma lição de vida acerca da industrialização. Uma voz intemporal transporta-nos numa odisseia de ficção científica até um futuro inevitável. A montagem sinistra e delicada, misturada com a narração sentida das cartas enfeitiçou-nos na abordagem a este assunto poético, embora obscuro, que são as mudanças climáticas.

 

Melhor Ficção

I SAW THE FACE OF THE DEVIL, Julia Kowalski

• Declaração do júri: A narrativa poderosa oferece-nos uma nova perspectiva sobre um género familiar e leva-nos numa viagem através de bosques sinistros e igrejas frias, com personagens fortes marcadas pelas ansiedades e auto-repressão. A jovem protagonista tem um desempenho inesquecível, ao mesmo tempo luminoso e inquietante. Olhares carregados de desejo, cara e corpo deformados, uma banda sonora cativante. São imagens e sons que ficarão connosco durante muito tempo.

 

COMPETIÇÃO NACIONAL

Prémio Escola das Artes, Universidade Católica Portuguesa + Prémio Pixel Bunker

NATUREZA HUMANA, Mónica Lima

• Declaração do júri: Um trabalho que se destaca pela beleza das imagens e a profundeza dos silêncios. Realizado a partir de uma compreensão comovente da natureza humana, os desempenhos e a sensualidade dos quadros arrastam-nos para o âmago de uma comunidade que observa um mundo a desaparecer, onde o vínculo semeado se transforma no sustento mais necessário. Um retrato delicado que nos leva pelas paisagens internas que um casal em luto atravessa.

 

Prémio Pulsar Studios para melhor realizador da competição

BASIL DA CUNHA por 2720

• Declaração do júri: Devido à solvência do tempo da narrativa, à disposição da luz e à mise-en-scene, a história transforma-se numa dança meândrica de encontros e descobertas poéticas que retratam as relações e personagens da vida diária de uma comunidade. Durante o filme, o enquadramento leva-nos a focar no que está no interior enquanto o som ubíquo está presente para nos relembrar das constantes ameaças externas que enfrentam diariamente. Pela mestria e inteligência no uso da câmara que penetra e revela um local a que ele chama de “lar”.

 

COMPETIÇÃO EXPERIMENTAL

Prémio Centro de Arte Oliva

THE SECRET GARDEN, Nour Ouayada

• Declaração do júri: O prémio para Melhor Filme Experimental do Curtas Vila do Conde vai para um filme que entrelaça o estilo de uma história antiga com os tropos de ficção científica, através do uso elegante da câmara-na-mão e da narrativa. Estruturado em capítulos que revelam, tal como se de uma investigação se tratasse, uma conspiração vegetal e uma crise existencial e pessoal, o filme “O Jardim Secreto”, de Nour Ouayada, apresenta-se como uma proposta consistente para pensar sobre a vida das plantas, sobre comunidade e sobre a solidão na cidade.

 

PRÉMIO DO PÚBLICO FRICON

Para melhor filme da Competição Internacional

2720, Basil da Cunha

 

PRÉMIO DO PÚBLICO SPA

Para melhor filme da Competição Nacional

NATUREZA HUMANA, Mónica Lima

 

COMPETIÇÃO TAKE ONE!

Prémio Showreel + Prémio IPDJ + Restart

1/2=1, Luísa Alegre

• Declaração do júri: Pela sua expressão plástica, consciência do cinema e dos seus processos.

 

Menção Honrosa

VANETTE, Maria Beatriz Castelo

• Declaração do júri: Pela narrativa que comunica através do silêncio na viagem das personagens.

 

Prémio Blit para melhor realizador/a da secção

CATARINA GONÇALVES por Até que tenha fôlego

• Declaração do júri: Pelo olhar sobre mulheres que vivem tanto na quietude, como na comunidade.

 

COMPETIÇÃO MUSIC VIDEOS

SURMA, ISLET por TELMO SOARES

• Declaração do júri: Pelo visual cuidado, pela sensibilidade de um tema que acompanha as diversas experiências no caminho e na transformação da protagonista.

 

COMPETIÇÃO MY GENERATION

Prémio Auto Bemguiados

INVINCIBLE, Vincent René-Lortie

 

CURTINHAS

O CARROSSEL, Augusto Schillaci

 

Menção Honrosa

CANÁRIO, Pierre-Hugues Dallaire, Benoit Therriault

 

Menção Honrosa

O QUE SE PASSA COM O TEMPO, Irene Iborra

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 10:49

link do post | comentar | favorito
Sábado, 15 de Julho de 2023

31º Curtas Vila do Conde - Bilheteira e Programa Completo

A BILHETEIRA e o PROGRAMA COMPLETO do 31.º Curtas Vila do Conde — que decorre de 08 a 16 de Julho 2023 — estão disponíveis online.

 

Bilheteira - https://teatroviladoconde.bol.pt/

Programa Completo - https://festival.curtas.pt/edicao-do-festival/2023/

 

Clica aqui para aceder ao Site!

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 13:13

link do post | comentar | favorito
Sábado, 8 de Julho de 2023

31ª edição do Curtas Vila do Conde arranca este fim-de-semana com antestreia de 20.000 Espécies de Abelhas

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Arranca este sábado, dia 8 de Julho 2023, a 31ª edição do Curtas. O festival levará até Vila do Conde mais de 250 filmes numa mostra do que de mais criativo e inovador está a acontecer neste momento com a linguagem cinematográfica, em permanente diálogo com outras formas de expressão artísticas e culturais. A marcar o arranque, a antestreia de 20.000 Espécies de Abelhas, de Estibaliz Urresola Solaguren, autora a quem o festival dedica um foco. A primeira longa-metragem da realizadora basca é um drama radioso, maravilhosamente sensível, sustentado pelas performances comoventes da jovem atriz Sofía Otero, que personifica uma criança em busca de um nome, e de Patricia López Arnaiz, que faz de uma mãe atormentada que não deixa de ser terna. Ao adoptar mais do que um ponto de vista, Estibaliz Urresola Solaguren respeita a incrível complexidade que compõe a identidade de género, tocando num aspecto talvez menos óbvio da transição: a mentalidade.

 

Em foco neste Curtas estão ainda as obras da norte-americana Deborah Stratman e do romeno Radu Jude. Da primeira, o Curtas selecionou um total de 12 filmes que considera paradigmáticos da diversidade do seu trabalho, que se tem destacado tanto no campo do cinema documental como no cinema experimental, entrecruzando ambos para refletir sobre as dinâmicas de poder e controlo de que são alvo diferentes ideias e os espaços sociais. O programa integra ainda uma exposição na Solar - Galeria de Arte Cinemática, Unexpected Guests, e uma masterclass. Do segundo, a seleção foca-se no extenso trabalho do realizador no campo da curta-metragem, formato ao qual regressa amiúde para desenvolver uma linguagem cinematográfica própria. O festival mostrará uma multiplicidade de títulos que permitem acompanhar um dos autores europeus mais audazes na forma como procura traçar um percurso para o seu cinema. Ambos os realizadores estarão presentes em Vila do Conde.

 

Particular atenção, este ano, para a secção New Talents que, a par da obra de Estibaliz Urresola Solaguren, olha a produção do coletivo anarco-marxista Total Refusal, num programa que integra parte dos seus filmes e uma performance onde o coletivo nos conduzirá a uma visita por Los Santos, a cidade digital do jogo de vídeo GTA V. Terceiro foco no cineasta mais mediático do último ano, João Gonzalez, num programa que, a par de filmes, integra a exposição Ice-Merchants: Do subconsciente ao ecrã.

 

Na secção que se dedica à descoberta e revisita a obras esquecidas, ignoradas ou desvalorizadas haverá programas de Walerian Borowczyk, Augusto Cabrita (em parceria com a FILMar), os 60 anos de “Os Verdes Anos”, os primórdios do cinema espanhol e as exibições de American Graffiti de George Lucas e Night of the Living Dead de George A. Romero.

 

Na secção Stereo, dois cine-concertos Bohren & der Club of Gore x Le Révélateur, de Philippe Garrel (13 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde), e Miaux x Carnival of Souls, de Herk Harvey (14 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde), bem como o regresso aos palcos dos TURBO JUNK I.E. (10 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde) a propósito da passagem do filme Maquete’92, sobre o percurso da banda. A secção que cruza música e cinema integra ainda um foco na obra de Billy Roisz, assim como a exibição de Miúcha, a Voz do Bossa Nova, Elis & Tom, Só Tinha de Ser com Você e Na Sombra II.

 

A 31ª edição do Curtas integra ainda uma competição nacional e internacional com o melhor que tem sido feito durante o último ano, uma competição experimental que olha o lado mais irreverente e desafiador do cinema, uma competição de vídeos musicais e uma competição composta por filmes realizados em contexto de formação. Para os mais jovens e famílias, o Curtinhas continua a apostar na formação e diversão para famílias e crianças.

 

A fechar o festival, o regresso a Vila do Conde de Kleber Mendonça Filho, com a antestreia de Retratos Fantasmas, o seu mais recente filme.

 

• Mais informações sobre o programa, bilhetes e acreditações em https://www.curtas.pt/.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 20:48

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 6 de Julho de 2023

Está fechado o programa para a 31ª edição do Curtas

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Um total de 45 filmes integram a seleção das Competições Internacional e Nacional da 31ª edição do Curtas de Vila do Conde, secções marcadas pela diversidade geográfica, de estilos (ficção, documentário e animação), mas também de possibilidades e tendências do próprio cinema. A ter lugar entre os dias 8 e 16 de julho, o festival vila-condense volta a colocar, lado a lado, os novos trabalhos de autores consagrados e de talentos emergentes do cinema mundial. Do lado dos veteranos, destaque para as estreias nacionais das mais recentes obras de Lucrecia Martel (Camarera de Piso), Carla Simón (Carta a Mi Madre Para Mi Hijo), Antonin Peretjatko (Les Algues Maléfiques), Jean-Gabriel Périot (L'effort des Hommes) e a dupla Benjamin de Burca e Bárbara Wagner (Fala da Terra). Do lado dos novos autores, esta será uma oportunidade para descobrir as obras da francesa Sarah-Anaïs Desbenoit, do egípcio Morad Mostafa, da francesa Julia Kowalski, do chinês Zhang Dalei, do franco-alemão Lucas Malbrun, do italiano Francesco Sossai e da espanhola Irati Gorostidi Agirretxe.

 

No plano nacional, um olhar transversal para o cinema que se produz hoje, de norte a sul do país. A passarem por Vila do Conde ao longo da semana trabalhos de António Pinhão Botelho, Basil da Cunha, David Ferreira, Dimitri Mihajlovic & Miguel Lima, Diogo Baldaia, Duarte Coimbra, Francisco Carvalho, Inês Teixeira, Mário Macedo & Vanja Vascarac, Marta Monteiro, Mónica Lima, Nuno Amorim, Pedro Bastos, Pedro Neves, Susana Abreu e Tomás Baltazar. A programação de filmes produzidos em Portugal integra ainda uma sessão especial com as três curtas que integraram o programa A Fábrica de Realizadores – Norte de Portugal, exibido em Cannes (Espinho, de André Guiomar e Mya Kaplan; Maria, de Mário Macedo e Dornaz Hajiha; As Gaivotas Cortam o Céu, de Mariana Bártolo e Guillermo Garcia Lopez), assim como as exibições, na sessão de Panorama Nacional, de Pátio do Carrasco, de André Gil Mata, Naquele dia em Lisboa, de Daniel Blaufuks, e O Homem das Pernas Altas, de Vítor Hugo Rocha.

 

A abrir o festival, antestreia nacional para 20000 Espécies de Abelhas, a primeira longa metragem de Estibaliz Urresola Solaguren, filme vencedor do Urso de Prata para Melhor Interpretação Principal na Berlinale deste ano. Uma delicada e emotiva narrativa sobre a família e a identidade, que conta com uma brilhante interpretação de Patricia López Arnaiz, a ser exibida a dia 8 de Julho 2023, pelas 19h00. A estreia comercial do filme acontece no dia 20 de Julho 2023.

 

A fechar o festival, o regresso a Vila do Conde de um realizador cuja obra o festival tem acompanhado de muito perto. Retratos Fantasmas, a mais recente criação de Kleber Mendonça Filho, é uma história de enamoramento por uma cidade, nas suas mudanças e minudências, os seus cinemas e as suas gentes. Uma declaração de amor ao Recife que só o cinema é capaz de mostrar. O filme passa no sábado, dia 15 de Julho 2023, estando a sua estreia nos cinemas nacionais marcada para 24 de Agosto 2023.

 

Integrado na secção Cinema Revisitado (da qual já havia sido anunciado o foco na obra de Walerian Borowczyk), o FILMar e o Curtas juntam-se para rever a obra de Augusto Cabrita (1923-1993), no centenário do seu nascimento. O programa integra um conjunto de sessões de cinema, conversas e uma exposição, que sublinham as dimensões do atento observador do diálogo entre a paisagem, social e marítima, a sua transformação pela ação humana e o que se pode guardar de uma memória em fuga.

 

Dedicada a celebrar e destacar a obra de jovens cineastas, a secção New Voices integra, este ano, um olhar sobre as obras do português João Gonzalez — com uma carte blanche que integra filmes seus, algumas escolhas e a exposição Ice Merchants: do Sub-Consciente ao Ecrã — da espanhola Estibaliz Urresola Solaguren e do coletivo de media de guerrilha pseudo-marxista, Total Refusal.

 

A programação do Curtas Vila do Conde integra ainda um programa especial de cinema e oficinas dedicadas ao público infanto-juvenil e familiar (Curtinhas), assim como a competição de cinema de escola (Take One) e o Prémio do Público Europeu.

 

Anunciados para a edição deste ano estavam já os programas centrados nas obras de Billy Roisz, Deborah Stratman e Radu Jude, bem como os dois filmes-concerto integrantes da secção Stereo: Bohren & der Club of Gore x Le Révélateur, de Philippe Garrel (13 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde), e Miaux x Carnival of Souls, de Herk Harvey (14 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde), bem como o regresso aos palcos dos TURBO JUNK I.E. (10 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde).

 

• Mais informações sobre o programa, bilhetes e acreditações em https://www.curtas.pt/.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 12:05

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Junho de 2023

Curtinhas 2023

Está fechada a secção competitiva Curtinhas, uma espécie de minifestival dentro do Curtas Vila do Conde, pensado para o público infantojuvenil e famílias.

 

Inclui competições em três faixas etárias: M/3, M/6, M/9. Os vencedores são escolhidos pelo atento e exigente Júri Curtinhas, um grupo de 10 crianças, com idades entre os 8 e os 12 anos.

 

Para além de ver e votar os filmes em competição, o júri tem acesso a um free pass para todas as sessões infantis, a uma t-shirt e a entregar a estatueta ao filme vencedor!

 

Júri Curtinhas - inscrições: https://curtas.filmchief.com/request-accreditation/curtinhas-jury-2023

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 12:59

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 24 de Maio de 2023

TURBO JUNK I.E. e BILLY ROISZ juntam-se ao programa Stereo, que volta a ter sessões de cinema ao ar livre

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Será uma das sessões especiais e irrepetíveis do 31º Curta Vila do Conde, o reencontro dos vila-condenses TURBO JUNK I.E.. A propósito de Maquete’92, filme realizado por Paulo Pinto e exibido em antestreia no festival, a banda vilacondense volta a reunir-se em palco no dia 10 de Julho 2023 pelas 23h30 no Teatro Municipal. O programa será ainda acompanhado por uma exposição-instalação da autoria Cesário Alves – fotógrafo e professor que acompanhou a banda à época do seu surgimento e crescimento na cena nacional.

 

Novidade no programa Stereo é ainda o programa especial dedicado à realizadora austríaca Billy Roisz, com apresentação do designer e artista Miguel Carvalhais. Cineasta experimental, Roisz demonstra uma notável capacidade para traduzir música experimental em imagens da memória visual, revelando ligações à arte minimal e arte conceptual. Especializou-se no vídeo feedback e na interação entre vídeo e som, utilizando monitores, câmaras, mesas de mistura de vídeo, um vídeo-sintetizador DYI, um computador, uma guitarra-baixo e gira-discos para gerar vídeo e som. Esta sessão será realizada em parceria com o festival Waking Life, a decorrer em Junho, no Crato.

 

À semelhança do que aconteceu nas últimas edições, a Solar - Galeria de Arte Cinemática receberá cinema ao ar livre com uma programação que incluirá, também, documentários de música. Na edição 2023 do Curtas serão exibidos, Na Sombra II, a segunda parte do documentário que Joana X realizou com os Clã em torno do processo de criação de Véspera, o disco mais recente da banda. Esta segunda parte foca-se na forma como os Clã enfrentaram os desafios impostos pela pandemia, em plena fase de conclusão e lançamento de álbum.

 

Integrado na secção Stereo, com exibição agendada para o Teatro Municipal de Vila do Conde, está também o filme Miúcha, A Voz da Bossa Nova. O filme de Liliane Mutti e Daniel Zarvos “reconta” a história da cantora brasileira, muitas vezes reduzida a irmã de Chico Buarque e mulher de João Gilberto. Tendo como ponto de partida arquivos pessoais da cantora (fotografias, cartas, aguarelas e gravações áudio) este é um documento sobre o seu lugar que a mesma ocupa no movimento bossa nova, mas sobre as dificuldades e custos pessoais que enfrentou para construir uma carreira a solo.

 

A ter lugar entre os dias 8 e 16 de Julho 2023, a secção Stereo do 31º Curtas recebe ainda os espetáculos de Bohren and the Club of Gore para o filme Le Révélateur de Philippe Garrel; e da belga Miaux para Carnival of Souls de Herk Harvey. Anunciados estão também os focos nas obras de Deborah Stratman, Radu Jude e Walerian Borowczyk.

 

• Mais informações sobre o programa, bilhetes e acreditações em https://www.curtas.pt/.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 14:57

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 15 de Maio de 2023

Infocus Radu Jude + Cinema Revisitado Borowczyk no 31º Curtas

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Walerian Borowczyk e Radu Jude em destaque no Curtas Vila do Conde

 

A cerca de dois meses do seu arranque, o 31.º Curtas Vila do Conde anuncia hoje mais dois realizadores em destaque na seleção deste ano. Foco na secção Cinema Revisitado para o polaco Walerian Borowczyk, no ano em que se assinala o 100.º aniversário do seu nascimento, e na secção InFocus para o romeno Radu Jude, cuja filmografia tem percorrido com destaque os festivais de cinema nacionais e internacionais.

 

Conta-se que Walerian Borowczyk terá contestado o rótulo de surrealista que os críticos lhe atribuíram e que se revoltou quando o seu trabalho foi caracterizado como sendo erótico. Apesar da sua prolífica obra, que percorre o documentário, a animação, a publicidade, a curta e a longa metragem, Borowczyk continua a ser um mistério para a maioria dos espectadores de cinema. Homem de “imaginação fulgurante” (como o descreveu André Breton), nasceu na Polónia, mas foi em França que se afirmou enquanto criador. Ao longo da década de 60 criou mais de 60 animações, explorando os limites estéticos e técnicos da linguagem. Pintava comboios à noite para, de dia, embarcar e criar imagem em movimento; convidava amigos para eventos de live films, projetando película que havia pintado à mão. Estreia-se na realização profissional em 1957, ao lado de Jan Lenica, com Era Uma Vez, e dá o passo para a longa metragem com Teatro do Senhor e Senhora Kabal, em 1967. É, no entanto, com Contos Imorais, (1973, co-realizado com Fabrice Luchini e Paloma Picasso, e A Besta (1975), que o nome de Borowczyk chama a atenção de audiências maiores. Tirando partido do poder da alegoria (tão bem explorado nos seus trabalhos de animação), o “engenheiro do êxtase” – como haveria de ser apelidado – inicia-se aqui numa nova linguagem: que balanceia o erotismo e o kitsch e que entusiasma a audiência pela atmosfera que cada filme cria. Temas como intimidade, fantasias sexuais, a necessidade de arriscar e a negação do pudor passam a ser centrais na sua obra, num desafio a algumas das ideias mais conservadoras que ainda marcavam as sociedades da altura. O 31.º CURTAS apresenta um programa extenso da sua obra em curta-metragem, cruzando ficção, documentário e animação e exibindo filmes como Jouet Joyeux (Walerian Borowczyk; 3', França, 1979) ou Street Art (Walerian Borowczyk, Jan Lenica; 1', Polónia, 1957).

 

No verso desta moeda Radu Jude, nome que não deverá ser desconhecido para os atentos à cinematografia contemporânea. Vencedor da Competição Internacional do 30.º Curtas (com The Potemkinists) e dono de uma filmografia que equilibra o humor e a contundência, os filmes de Jude procuram experimentar novas formas de expressão que enquadrem, à lupa do seu século, temas intemporais como a liberdade, a igualdade e a fraternidade. Tendo como pano de fundo a realidade do seu país, a Roménia, a obra de Radu Jude encontra, com inquestionável facilidade, uma forma de romper com tabus, levando-nos pelo absurdo dos mal-estares sociais e a forma como os estados têm vindo a criar narrativas que nos distraiam dos seus erros e contravenções. O 31.º Curtas dedica-lhe um programa especial focado no seu trabalho de curta-metragem, exibindo filmes como In the Morning (28', 2007), The Tube With a Hat (23', Roménia, 2007), Alexandra (24', Roménia, 2008), Shadow of a Cloud (30', Roménia, 2013), It Can Pass Through the Wall (17', Roménia, 2014), The Marshal's Two Executions (10', Roménia, 2014), Punish and Discipline (12', Roménia, 2019), Plastic Semiotic (22', Roménia, 2021), Caricaturana (9', Roménia, 2021), The Potemkinists (18', Roménia, 2022) ou Memories From the Eastern Front (com Adrian Cioflâncă, 30', Roménia, 2022).

 

Anunciado para a edição deste ano estava já o programa centrado na obra de Deborah Stratman, bem como os dois cine-concertos integrantes da secção Stereo: Bohren & der Club of Gore x Le Révélateur, de Philippe Garrel (13 de Julho, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde) e Miaux x Carnival of Souls, de Herk Harvey (14 de Julho, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde).

 

•  Mais informações sobre programa, bilhetes e acreditações em www.curtas.pt.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 14:31

link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Maio de 2023

STEREO (Primeiras Confirmações) no 31º Curtas

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Bohren and the Club of Gore e Miaux a musicar filmes de Philippe Garrel e Herk Harvey

 

Secção de encontro por excelência, o Stereo compila, em cada edição do Curtas, um conjunto de propostas que, através da junção entre a música e o cinema, pretendem alargar os horizontes de apresentação da sétima arte. A 31ª edição, a ter lugar entre os dias 8 e 16 de Julho 2023, anuncia hoje as suas primeiras confirmações para a secção. Dia 13 de Julho, o Teatro Municipal de Vila do Conde recebe os Bohren and the Club of Gore para um espetáculo original que musicará o seminal Le Révélateur de Philippe Garrel. No dia seguinte, na mesma sala, o palco é ocupado pela belga Miaux e Carnival of Souls de Herk Harvey.

 

Com uma carreira a bater nos 30 anos, a música dos Bohren & der Club of Gore encerra em si uma capacidade inigualável de desacelerar o tempo. Um espaço que parece quase anacrónico - num século feito à velocidade de cliques de fenómenos mais ou menos transitórios - onde cada peça se move num ritmo próprio, a meditar por entre os universos do jazz, do doom e da música clássica. Dir-se-á que é especialmente cinematográfica (há quem nos media lhe perceba as paisagens sonoras dos clássicos da cinematografia italiana), que tem alma experimentalista a coordenar a instrumentação minimal e precisa. Nesta passagem por Vila do Conde propõe-nos uma revisita ao clássico do cinema experimental europeu, Le Révélateur. Obra maior (e controversa) de Philippe Garrel, foi filmada alguns dias após a revolta estudantil de maio de 68 na Alemanha e nas proximidades de vários campos de concentração. Em Le Révélateur, dois jovens pais e o seu filho movem-se pela escuridão, de espaço em espaço, numa realidade desoladora e misteriosa. Banhado por um simbolismo sombrio, o filme oscila constantemente entre a vigília e o sono, abrindo espaço para o encontro perfeito com a música do coletivo alemão: a estética reduzida e os espaços livres criados pelas imagens do filme, permitem que cada espectador faça sua própria leitura e encontre as suas próprias emoções – assim como os ouvintes fazem com a sua música. O pouco, a chegar muito longe.

 

Carnival of Souls é um thriller psicológico americano dos anos 60 produzido e realizado por Herk Harvey. Um clássico da série-B, que emprega diversas técnicas de filmagem de guerrilha, e que ganhou o estatuto de culto devido às várias aparições em televisão e programações de Halloween nos anos 80. Hoje, é louvado em várias escolas de cinema pela sua cinematografia, luz e som, e integra a lista de referências de nomes como David Lynch, George A. Romero e Lucrecia Martel. Nesta apresentação em Vila do Conde contará com uma banda sonora original, produzida pela compositora Miaux, que substituirá os órgãos da BSO pelos seus sintetizadores analógicos. Nome em ascensão no universo underground centro-europeu, Miaux tem editado as suas criações via Ultra Eczema e tem sido reconhecida pelas suas capacidades enquanto compositora e pela expressividade intemporal das suas criações.

 

Os dois cine-concertos são produzidos em parceria com o Festival Internacional de Cinema de Ghent, tendo sido encomendas especiais do Kunstencentrum VIERNULVIER e pelo Festival de Ghent para a série Videodroom.

 

O Curtas Vila do Conde regressa entre os dias 8 e 16 de Julho 2023.

 

•  Mais informações sobre programa, bilhetes e acreditações em www.curtas.pt.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 09:48

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 27 de Abril de 2023

Deborah Stratman é uma das Autoras em Foco no 31º Curtas

31º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

O trabalho da americana Deborah Stratman escapa-se a rótulos fáceis. Cruzando todos os tipos de media: da imagem em movimento à fotografia, da escultura ao desenho ou à instalação, a sua obra pode ser encontrada tanto na selecção oficial dos festivais de Roterdão ou Sundance, como nas salas de importantes galerias e museus, como o MoMA ou o Centro Pompidou. Independentemente do output escolhido, o trabalho de Stratman ocupa-se, sobretudo, da capacidade de questionar aquilo que subjaz às coisas mundanas, às rotinas e aos comportamentos. Explorando a história, os usos, as mitologias e os padrões impressos em diferentes tipos de paisagem — desde a província muçulmana de Xinjiang na China, à Irlanda rural ou à Califórnia suburbana — o seu trabalho aponta os relacionamentos entre os ambientes físicos e as lutas de poder e de controlo que os humanos operam no território. Mais recentemente, Stratman tem-se focado também em narrativas históricas sobre a fé, a liberdade, o expansionismo e o paranormal.

 

De 8 a 16 de Julho 2023, o 31.º Curtas Vila do Conde Festival Internacional de Cinema dedica-lhe um intensivo programa de foco, que apresenta uma selecção da sua obra cinematográfica (inserida na secção InFocus), uma Carta Branca, no âmbito da qual a artista apresenta obras que tenham influenciado o seu trabalho, e uma exposição na Solar — Galeria de Arte Cinemática, com um conjunto de obras mostradas em contexto expositivo pela primeira vez em Portugal. O programa completa-se com a masterclass Radical Listening, onde a mesma falará sobre o enorme potencial do som e no áudio como principal motor e criador de espaço.

 

Presença já habitual na selecção do Curtas (nove dos seus filmes foram selecionados para as competições de 2002 até aos dias de hoje), Stratman foi vencedora da Competição Internacional do festival em 2003, com In Order Not To Be Here. A sua escolha para InFocus na edição de 2023, cumpre com um dos principais desígnios do trabalho conjunto entre o Curtas e a Solar - Galeria de Arte Cinemática: por um lado, o de fazer a ponte entre os territórios dos Cinema e das Artes Visuais e, por outro, o de potenciar sinergias entre os dois projetos, revelando aspetos menos conhecidos da obras de artistas/cineastas de referência e da maior importância no panorama internacional.

 

Anunciados, na edição deste ano, estavam já dois cine-concertos integrantes da secção Stereo: Bohren & der Club of Gore x Le Révélateur, de Philippe Garrel (13 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde) e Miaux x Carnival of Souls, de Herk Harvey (14 de Julho 2023, 23h30, Teatro Municipal de Vila do Conde).

 

•  Mais informações sobre programa, bilhetes e acreditações em www.curtas.pt.

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 21:18

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 18 de Julho de 2022

Vencedores Curtas Vila do Conde 2022

29º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

COMPETIÇÃO INTERNACIONAL

 

Grande Prémio

Nest, de Hlynur Pálmason

• Declaração do júri: Planos fixos elevados ao seu potencial máximo, com um laivo de humor sofisticado, suspense bem doseado e um sentido de timing preciso, este filme demonstra a arte do cinema enquanto exploração do tempo e do espaço na sua aceção mais pura.

 

Melhor Filme de Ficção

Cuerdas, de Estibaliz Urresola Solaguren

• Declaração do júri: O prémio de Melhor Ficção vai para um filme que se caracteriza pelo desempenho dos protagonistas e pela localização do filme, que é um elemento central da narrativa e, ao mesmo tempo, simbólico da exploração da natureza e da humanidade. Com uma grande subtileza, a história evolui e leva-nos até ao momento que nos marca. Este filme sobre coragem civil, dignidade e o homo economicus impressionou-nos.

 

Melhor Documentário

Haulout, de Evgenia Arbugaeva e Maxim Arbugaev

• Declaração do júri: Por demonstrar, com comedimento e de forma épica, toda a violência e beleza da Natureza e por criar um momento belo de êxtase cinemático com o gesto da abertura de uma porta para uma paisagem animal.

 

Melhor Animação

Scale, de Joseph Pierce

• Declaração do júri: Desenfreado e inabalável, vasculha o canto mais obscuro da mente humana com imagens trabalhadas e visões psicadélicas que permitem distorção, transformação e dissolução.

 

Candidatos Curtas Vila do Conde ao EFA

The Potemkinists, de Radu Jude

• Declaração do júri: Com uma estrutura aparentemente simples adequada para uma curta, e com um cerne profundo que questiona a autoridade da História, assim como os detentores dos direitos à sua interpretação, este filme utiliza o mundano para abordar tópicos incómodos de uma forma políticamente carregada, provocadora e irónica - tudo isto personificado num passeio até uma escultura grandiosa.

 

COMPETIÇÃO NACIONAL

 

Prémio Fundação INATEL+ Prémio Pixel Bunker para melhor Filme Português

Ice Merchants, de João Gonzalez

• Declaração do júri: Um conto engenhosamente original que se desenrola nas alturas, mas que ecoa profundamente no interior da sua humanidade afetuosa sobre os laços familiares e revela habilidade na criação de um storytelling esteticamente vibrante.

 

Prémio Kino Sound Studio para melhor realizador português

Aos Dezasseis, de Carlos Lobo

• Declaração do júri: Pela criação de imagens de forma clara e precisa, por dirigir os atores com sensibilidade e humanidade e por criar um dos melhores planos de abertura que o júri viu no festival.

 

COMPETIÇÃO EXPERIMENTAL

 

Prémio Escola das Artes, Universidade Portuguesa para melhor filme

Darkness, Darkness, Burning Bright – Oraison, de Gaëlle Rouard

• Declaração do júri: material, pode levar a um estado de transcendência. Como a confiança na sabedoria da matéria pode nos levar a uma jornada com todos os seres.

 

Menção Honrosa

The Spiral, de María Silvia Esteve

• Declaração do júri: Como o som e a imagem podem levar a um estado complexo.

 

COMPETIÇÃO TAKE ONE!

 

Prémio Showreel + Prémio Instituto Português do Desporto e da Juventude + Prémio Restart + para melhor filme

Mistida, de Falcão Nhaga

• Declaração do júri: O filme surpreende através do uso de uma linguagem clássica, carregada de grande naturalidade, dialogando entre silêncios onde a narrativa coloca as personagens e o próprio público, no lugar de revisitar um passado, através de uma história que atravessa uma herança colectiva e uma urgência do não desaparecimento de uma memória.

 

Prémio Blit para melhor realizador Take One!

Mistida, de Falcão Nhaga

• Declaração do júri: Através de uma acção do dia a dia, o realizador leva-nos por uma viagem, onde plano a plano, de uma forma muito subtil, a narrativa se constrói, ganha forma através de uma grande relação de intimidade, onde o espaço envolvente nos é apresentado com grande cuidado e pormenor. Onde as próprias personagens são elas, também, o próprio espaço, tempo, ritmo e a história.

 

Menção Honrosa

Mesa Posta, de Beatriz de Sousa

• Declaração do júri: Pelo seu trabalho de investigação, procurando novas linguagens e ferramentas para a construção de uma narrativa; pelo dinamismo e cuidado, que está presente na montagem.

 

PRÉMIO DO PÚBLICO

 

Prémio do Público Fricon para melhor filme da competição internacional

Ice Merchants, de João Gonzalez

 

Prémio do Público SPA para melhor filme da competição nacional

Garrano, de David Doutel e Vasco Sá

 

MUSIC VIDEOS

Pedro Pestana & Nils Meisel - Alento de Leonor Pacheco

• Declaração do júri: Para começar, a variedade de estilos é impressionante, tanto na música quanto nos visuais, com destaque para as animações. A escolha do vencedor foi tão árdua quanto natural, uma vez que tanto a música quanto o vídeo são de alto nível, e em especial a relação entre as duas dimensões.

 

MY GENERATION

The Glory Of Terrible Eliz, de Eliška Kováříková e Adam Struhala

 

CURTINHAS

Prémio Curtinhas

Caiaque, de Solène Bosseboeuf, Flore Dechorgnat, Tiphaine Klein, Auguste Lefort, Antoine Rossi

 

1ª Menção Honrosa Curtinhas

2020: Odisseia 3º Esquerdo, de Ricardo Leite

 

2ª Menção Honrosa Curtinhas

Peixes Não se Afogam, de Anna Azevedo

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 09:43

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 14 de Julho de 2022

Curtas celebra 30 anos numa edição que se espalha por todo o concelho

29º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Já arrancou a 30ª edição do Curtas de Vila do Conde. A ter lugar entre os dias 9 e 17 de julho, o festival de cinema dedicado ao formato curto apresenta uma programação marcada pelo encontro de gerações, numa edição que se estende a 30 espaços do concelho de Vila do Conde. Realizadores emergentes e nomes consagrados, exposições, cine-concertos, cinema infantil em espaço público e um olhar transversal sobre as produções mais recentes no campo da ficção, documentário e animação são os pontos chave do programa deste ano.

 

Mantendo a sua estrutura competitiva normal, que olha o cinema nacional, internacional e de escola, o Curtas apresenta na cidade novas obras de Radu Jude, Yann Gonzalez, Tsai Ming-liang, Sandro Aguilar, Mónica Santos ou Pedro Neves Marques. A destacar ainda as passagens de filmes que têm recolhido louvores no cenário dos festivais internacionais, como é o caso de Ice Merchants de João González ou O Homem do Lixo de Laura Gonçalves. Fora das competições, palavra especial para a estreia em solo português do mais recente trabalho de João Pedro Rodrigues, Fogo-Fátuo, e de Nadav Lapid, O Joelho de Ahed, assim como para a primeira passagem de Saudade do Futuro de Anna Azevedo Gomes (parcialmente rodado nas Caxinas) e de Toda a Gente Gosta de Jeanne, coprodução portuguesa que estreou na última edição do festival de Cannes, rodada em Lisboa.

 

Nos programas retrospectivos, destacam-se o olhar à obra de Carla Simón, num programa que integra a obra premiada com o Urso de Ouro na Berlinalle deste ano (Alcarràs), ao jovem espanhol Chema García Ibarra, assim como a revisita às obras de François Reichenbach (em parceria com a Fundação de Serralves), Alain Resnais e António Campos. Destaque ainda para a sessão especial FILMar, que reúne um conjunto de filmes historicamente invisibilizados, que pretendem valorizar as culturas históricas relacionadas com o mar na zona litoral próxima a Vila do Conde. Parte da sessão será acompanhada, ao piano, por João Paulo Esteves da Silva.

 

A 30ª edição do Curtas integra também programas especiais desenvolvidos para jovens e público familiar (Curtinhas e My Generation), por onde passará, entre outros, Buzz Lightyear, o mais recente blockbuster da Disney*Pixar, e que, este ano, voltarão a integrar oficinas e espaços lúdico-educativos. Numa parceria com a Solar - Galeria de Arte Cinemática, apresentar-se-á ainda uma exposição inédita de Marie Losier e David Legrand (em parceria com a Temporada Portugal-França 2022). Nos espaços dedicados ao encontro entre o cinema e a música, destaque para a passagem do documentário sobre os Da Weasel, para o cine-concerto de Steve Gunn e para 1975 Mobilização Geral, sobre o Verão quente de 1975.

 

• Toda a informação sobre a 30ª edição do Curtas de Vila do Conde disponível em https://linktr.ee/curtasviladoconde

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 16:19

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 7 de Julho de 2022

Queres fazer parte dos 30 anos de Curtas Vila do Conde?

29º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

A equipa do Curtas recebe, todos os anos, uma ajuda preciosa e fundamental para que o festival se concretize. Durante uma semana, terás a oportunidade de participar num evento cultural muito importante e que será, também para ti, algo inesquecível.

 

• Inscreve-te através de https://linktr.ee/curtasviladoconde

 

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 12:10

link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 6 de Julho de 2022

30º Curtas Vila do Conde - International Film Festival

Falta uma semana para o arranque do 30º Curtas Vila do Conde - International Film Festival!

 

Numa edição especial, uma seleção atenta ao que de relevante se faz no cinema nacional e internacional vai ocupar 30 espaços do concelho de Vila do Conde.

 

Consultem o programa completo aqui!

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 20:47

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 1 de Julho de 2022

Está fechada a programação para o Curtas Vila do Conde 2022

30º Curtas Vila do Conde - Festival Internacional de Cinema

 

Está fechada a programação para a 30ª edição do Curtas Vila do Conde. A ter lugar entre os dias 9 e 17 de julho, o festival volta a ser marcado por um programa competitivo que compila descobertas, nomes consagrados e olhares sobre a nova geração de realizadores a saírem das escolas de cinema. Em destaque na Competição Internacional para este ano de 2022 os novos filmes de Radu Jude, Antonin Peretjatko, Hlynur Pálmason, Yann Gonzalez e Tsai Ming-liang. Fora dos programas competitivos, destaque ainda para as estreias nacionais da secção Da Curta à Longa: Fogo Fátuo de João Pedro Rodrigues, O Joelho de Ahed de Nadav Lapid, e Saudade do Futuro de Anna Azevedo Gomes. Os três realizadores estarão em Vila do Conde para apresentarem as sessões e conversarem com o público. Em foco, na secção New Voices, estará ainda a realizadora francesa Céline Devaux, num programa que integra, entre outros, Toda a Gente Gosta de Jeanne, coprodução portuguesa que estreou na última edição do festival de Cannes, rodada em Lisboa.

 

Nome maior do cinema romeno, Radu Jude é uma presença assídua nos festivais nacionais. Com uma obra que provoca a releitura da história mundial, o realizador (que estará este ano em Vila do Conde) estreia em Portugal The Potemkinists, uma comédia sobre a arte, a memória e a força da resistência. Realizador também recorrente nas competições do festival vilacondense, Tsai Ming-Liang apresenta, em The Night, um hipnotizante retrato sobre o ritmo, a beleza e as mudanças da cidade de Hong Kong. Voz singular entre a sua geração, a filmografia de Yann Gonzalez é marcada pela linguagem visual barroca e poética com que aborda as questões de identidade e sexualidade. Em Hideous acompanhamos a estrela pop Oliver Sim (membro dos The XX) enquanto uma entrevista num talk show se transforma numa viagem surreal de amor, vergonha e massacre. Num olhar diametralmente oposto (e em muitos momentos simbolicamente relacionado com tempo que todos nós passamos, nos últimos dois anos, em casa), o islandês Hlynur Pálmason filma, em Nest, uma história onde três irmãos constroem juntos uma casa na árvore durante um ano. Beleza e brutalidade misturam-se nas imagens das lutas e das alegrias dos irmãos, enquanto, em pano de fundo, as estações mudam. Na sua quarta presença no festival, Antonin Peretjatko regista, em Yellow Saturday, dois anos de Coletes Amarelos vistos pelos olhos de um homem com a mesma idade de Emmanuel Macron.

 

Numa altura em que o cinema português se tem vindo afirmar (quer em presença, quer em prémios) no circuito de festivais de cinema internacional, a Competição Nacional do Curtas de Vila do Conde fica, inevitavelmente marcada, pela passagem de filmes estreados, entre outros, em Cannes e Berlim. Nota especial, assim, para as estreias nacionais de Aos Dezasseis de Carlos Lobo; Ice Merchants de João Gonzalez; Garrano de David Doutel e Vasco Sá e Skola di Tarafe de Sónia Vaz Borges e Filipa César. Também em estreia nacional, naquela que é a primeira passagem do filme em festivais: See You Later Space Island de Alice dos Reis. Em estreia mundial o Curtas passará O Casaco Rosa de Mónica Santos, O Teu Peso em Ouro de Sandro Aguilar, de Margarida Vila-Nova, Saturno de Luís Costa e André Guiomar; Uma Rapariga Imaterial de André Godinho, As Sacrificadas de Aurélie Oliveira Pernet, Heitor sem Nome de Vasco Saltão; Raticida de João Niza Ribeiro e Segunda Pessoa de Rita Barbosa. Fora das competições, o Curtas Vila do Conde passará ainda O Homem do Lixo de Laura Gonçalves, Azul de Ágata Pinto, Tornar-se Um Homem na Idade Média de Pedro Neves Marques, By Flávio de Pedro Cabeleira e Catraias de Tânia Dinis.

 

A Competição Experimental apresentará 19 obras em estreia nacional, entre as quais When There Is No More Music To Write, And Other Roman Stories, de Eric Baudelaire e A Human Certainty, de Morgan Quaintance. A 30ª edição do Curtas integra também um programa especial desenvolvido para jovens e público familiar (Curtinhas e My Generation), a competição Take One! dedicada a filmes de escola e uma selecção de curtas proposta pela European Film Academy. Adicionado ao programa Stereo, a exibição de Da Weasel: Agora e Para Sempre, documentário sobre a história e percurso da banda portuguesa. A destacar ainda Curtas 30 Anos, Exposição Documental, uma viagem pela história e evolução do Curtas, através de um conjunto de folhetos, cartazes, catálogos, livros e outras publicações que marcaram estes últimos 30 anos.

 

Anunciados estavam já os focos nos realizadores espanhóis Carla Simón (que integrará a antestreia de Alcarràs) e Chema García Ibarra, assim como o programa expositivo e cinematográfico proposto por Marie Losier e David Legrand (em parceria com a Temporada Portugal-França 2022) e os programas de Cinema Revisitado com enfoques na obra de António Campos, François Reichenbach (em parceria com a Fundação de Serralves) e Alain Resnais.

 

O programa completo para a 30ª edição do Curtas de Vila do Conde poderá ser consultado em https://curtas.pt/.

Linktree: https://linktr.ee/passatemposportugal


Inqueritos Remunerados: Ganha Dinheiro ao preencher inquéritos online

Mundo de Opiniões: Mundo de Opiniões - Expresse a sua Opinião. Receba Recompensas

publicado por Passatempos Portugal às 09:33

link do post | comentar | favorito

Os Filmes Mais Aguardados

(Poderá haver alterações nas datas)

The Kill Room - Arte Fatal

The Kill Room - Arte Fatal

(Estreia 25.01.2024)

Scarygirl - A Miúda Fantástica

Scarygirl - A Miúda Fantástica

(Estreia 01.02.2024)

Argylle - Espião Secreto

Argylle - Espião Secreto

(Estreia 01.02.2024)

Bob Marley: One Love

Bob Marley: One Love

(Estreia 14.02.2024)

 

A Cor Púrpura

A Cor Púrpura

(Estreia 07.02.2024)

 

Encontro

Encontro

(Estreia 01.02.2024)

 

Amigo Imaginário

Amigo Imaginário

(Estreia 07.03.2024)

 

Dune – Duna: Parte Dois

Dune – Duna:
Parte Dois

(Estreia 29.02.2024)

O Falsificador

O Falsificador

(Estreia 01.02.2024)

 

 

Beautiful Wedding - Um Casamento Maravilhoso

Beautiful Wedding - Um Casamento Maravilhoso

(Estreia 25.01.2024)

Iron Claw

Iron Claw

(Estreia 22.02.2024)

 

 

Uma Aventura no Expresso Cattle Hill

Uma Aventura no Expresso Cattle Hill

(Estreia 22.02.2024)

 

Pobres Criaturas

Pobres Criaturas

(Estreia 25.01.2024)

 

Madame Web

Madame Web

(Estreia 15.02.2024)

 

Anatomia de Uma Queda

Anatomia de Uma Queda

(Estreia 01.02.2024)

O Plano de Reforma

O Plano de Reforma

(Estreia 25.01.2024)

 

 

Facebook Facebook | Twitter / X Twitter / X | Contactos Contactos
Copyright © 2007-2024 Ante-Estreias Inc. Todos os Direitos Reservados

Visita também o nosso Blog Passatempos Portugal

Blog optimizado para qualquer Navegador de Internet

Blog Ante-Estreias

Pesquisa No Blog

 

Visitantes Online

hit counter

Fantasporto 2024

Fantasporto 2024

(01 a 10.03.2024)

32º Curtas Vila do Conde

32º Curtas Vila do Conde

(12 a 21.07.2024)

Jardim Zoológico

Jardim Zoológico
aberto e cheio de vida!

 

 

Amigo Imaginário
(07 Março nos Cinemas)

Arquivos

Fevereiro 2024

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
17
18
25
26
27
28
29

Revistas Online

Magazine.HD - Jan. 2024
NOS (Widget MHD)

 

Metropolis nº103

Links

Tags

#ficaemcasa

- banda sonora

- bilhetes cinema

- convites

- curtas vila do conde

- fan film

- fantasporto

- fotos

- noticia

- o dia mais curto

- ofertas

- passatempos

- postais natal

- poster

- programa tv

- revistas

- teaser

- terminados

- trailers

- vencedores

acção

animação

aventura

biografia

comédia

crime

curta-metragem

desporto

documentário

drama

erótico

família

fantasia

fantástico

ficção científica

guerra

histórico

mistério

musical

natal

policial

romance

suspense

terror

thriller

tv spot

western

todas as tags